quinta-feira, 7 de maio de 2009

O DIA EM QUE MEU CACHORRO FOI PRESO...

Oi Pessoal...


Eu hoje estava separando umas fotos do meu cachorrinho pra mandar pro meu filho e uma amiga minha estava aqui em casa, pois iamos sair pra fazer algumas compras e ai eu me lembrei de contar pra ela o dia em que meu cachorrinho fugiu de casa e foi parar na delegacia...

Nós tinhamos acabado de comprar uma casa e estavamos nos mudando. Meu cachorrinho não pode ver um portão aberto que ganha o mundo...vaza mesmo... Alguém que estava ajudando na mudança esqueceu o portão do quintal aberto e todos nós preocupados com a mudança não percebemos a fuga dele... A certa altura eu dei falta dele e procurei pela casa toda e nada de Roberto ( Robert, é assim que ele se chama...Robert de Freitas), quando vi o portão aberto me apavorei e já sabia que ele tinha fugido... Gente...voces não tem noção do reboliço que ficou aqui...todo mundo saindo pra rua atrás do fujão...alarmei todos os vizinhos, que aliás, gente que eu nem conhecia ainda...peguei meu carro e começei a procurar pelas ruas da cidade . O pessoal fez o mesmo...nada de Roberto... e procura...procura...e nada...a certa altura eu falei pro meu esposo que eu iria á delegacia porque talvez eles pudessem me ajudar... o ilustrissimo vira pra mim e diz que policia não tinha nada a ver com sumiço de cachorro...e a tonta aqui foi na dele.

Já era fim de tarde e nada de encontrar Roberto. Eu já estava em lágrimas... desesperada, imaginando a noite quando eu fosse dormir e não tivesse ele encima do meu pé....sim ele dorme na minha cama e encima do meu pé...Bom, o Roberto tem a licença pendurada no pescoço com todas as informaçoes dele. Ele foi encontrado por uma boa alma na rua e a pessoa que o encontrou chamou a policia, porque aqui cachorros nao podem ficar na rua desacompanhados.

A policia levou ele pra delegacia e estava tentando ligar aqui pra casa, só que por azar o nosso telefone estava ainda desligado...afffffff...O que a policia fez? foi no meu antigo endereço e chegando lá procurou pelos donos do cachorro. O homem que morava lá nos conhecia e tentou ligar pro nosso telefone, mas nada conseguiu...ai ele teve a idéia de perguntar pra uma vizinha lá se ela tinha o meu celular...ela tinha....entao a policia me ligou dizendo que tinha encontrado meu cachorrinho...gente..voces nao tem idéia da alegria que eu fiquei. Peguei o meu carro e segui feito louca pro meu antigo endereço...cheguei lá fui correndo pro carro da policia já em prantos... pra pegar meu dog...a policial olhou pra mim e penalizada disse...ele nao está aqui no carro...está la nadelegacia e voce precisa ir lá pra fazer o reconhecimento..(o que? reconhecimento?) como assim? mas enfim, corri pra delegacia. Cheguei lá falei com o investigador e ele disse que eu precisava esperar pra poder fazer o reconhecimento porque ele estava em uma cela( cela? mas ele é cachorro? que crime ele cometeu pra ir pra cela a não ser ter fugido?). Bom, estou lá esperando quando o o investigador foi me chamar pra ir lá na cela ver se realmente o cachorro que estava lá era realmente o meu... gente...foi hilário... quando o policial abriu a porta, lá estava Roberto...preso dentro de uma cela com uma tijelinha de água de um lado e outra de comida do outro com a maior cara de desolado, arrependido pelo crime cometido...kkkkkkkkk

Quando ele viu a gente, meu filho estava comigo...ele levantou e começou a pular igual um doido...o policial abriu a cela e ele correu pro meu filho como se fosse o último gesto da vida dele...o policial olhou pra mim e disse: pode levar...não tem como dizer que ele não pertence a voces....E assim Roberto voltou pra casa...O pessoal ficava brincando que ele tirou foto com a plaquinha, fez impressão digital...mas saiu por bom comportamento..kkkkkkkk....

Sei que a gente passa por cada uma viu!!!! Nunca ninguem da minha familia sequer entrou numa delegacia.... precisava ser o Roberto pra fazer a diferença....


Bom pessoal é isso ai....


Bjs pra todos
Olha a cara do safado ai..kkkkkkkkkkk

8 comentários:

Ariana disse...

Oi Marcia

Que confusão hein, estou morrendo de rir aki só de imaginar a situação do Robert na prisão, vc é D++++

Bjos

Claudia disse...

ahahahaha... só vc Marcia... mais uma para eu contar para meu marido... o primeiro foi da Cobra e agora do Roberto (nome do meu marido)hihihihih

Beijos..

Claudia

Claudia disse...

Deixa eu te perguntar... eu estava lendo o seu ultimo post... de que lugar do Brasil vc é mesmo???

beijos

Regiane disse...

Amiga essa foi o máximo.Tô aqui me acando de rir imaginando o Robert na sela!
Beijos.

Elaine Cristina disse...

Kakakakakakakaka
Ai amiga, que legal, fui imaginando a cena toda... Esse Roberto é danado hein?!
Bjão

Dri Viaro disse...

kkkkkkkkk, mas que cachorro mais safado hein amiga??
mas ainda bem que vc o recuperou né?
qdo pequena nos tinhamos um cachorro sabe a Lassie do filme? então igual, e roubaram ele dentro de noso proprio condominio acredita?? ficamos muito chateados na epoca
bjsss otimo fds

Elaine disse...

Olá!
Se fosse aqui onde eu moro, iam maltratar o bichinho e eu nunca mais o veria vivo! Eu sei, pois já tive um cãozinho que sumiu e apareceu envenenado na minha porta...
Mas seu Roberto está com a ficha limpa, né?
Beijos.

Giselíssima disse...

Caraca mew, tow me acabando de rir! Mto massa essa história, uma espécie única de dog! Dava até filme: "Robert & Eu"

Valeu dar uma olhada aqui no seu blog, muito bom!

= D Bom findi semana*

Telly.Manaus.Amazonas.