sábado, 14 de novembro de 2009

Apesar de tudo....

Ontem cheguei do trabalho tarde e super cansada. Tinha que fazer faxina na casa porque ia chegar do Brasil um casal de primos dos meu esposo qu vinham pra visitar o filho que está com problemas de saúde. Terminei a faxina já quase uma hora da manhã. Fui tomar banho e quase nem consigo. Deitei e com medo de perder a  hora não consegui dormir, pois precisava sair da casa as 4:30 hs da manhã porque o pessoal chegava no aeroporto de New York as 6:30 hs. Fui entrar no carro e estava meio zureta e bati com a cabeça na porta do carro...cheguei no aeroporto com um galo de todo tamanho na testa e pra ajudar os primos do meu esposo foram barrados pela imigração. Não deixaram eles entrarem no país..affe... que povo sem coração viu... mas fazer o que é lei e eles precisam cumprir. Acontece que ano retrasado eles vieram visitar  o filho e duas semanas depois descobriram que ele estava com um tumor máligno e ai começou a correria deles contra essa doença. O periodo que eles tinham pra ficar aqui era seis meses , mas por conta da doença do filho eles ficaram quatro meses mais. Isso constou no registro deles lá no aeroporto e não deixaram eles entrarem. Voltamos pra casa super chateados por não poder fazer nada e por saber que eles estavam ali e nem poder ve-los podiamos. Passamos o dia todo chateados por isso. Agora a  noite recebi uma  ligação do meu filho e  ele disse que estava querendo muito voltar pra casa, que estava cansado...vocês viram como mãe tem sexto sentido? quando se trata de filhos é impressionante né? Conversei bastante com ele e me pareceu que ele melhorou um pouco, só que na hora de dizer "tchau" percebi  que ele estava triste.... meu coração ta pequeno demais... falta pouco agora, mas acho que é normal eles ficaram cansados quando esta se aproximando o final da missão né? Liguei pra minha mãe  meu irmão está doente...ai..ai...difícil você estar longe das pessoas que ama e não poder ajudar viu!!! Mas eu creio que Deus está no controle de tudo e  logo tudo passa. Vou reforçar minhas orações essa noite.
Vou ver se fico bem para pelo menos poder enviar energias boas a quem precisa e espero que amanhã eu me sinta melhor. Desculpem  o post down... mas é o que estou sentindo vontade de escrever agora.
Beijos a todos e quando vocês forem fazer suas orações, lembrem-se de mim, do meu filho e do meu irmão ok? 

13 comentários:

Marise von disse...

Márcia,
Nada melhor que escrever, colocar pra fora os seus sentimentos.
Faz bem...
Fiquei muito triste com a história dos parentes do seu marido, não poderem visitar o filho.
Leis são leis, mas aqui temos o jeitinho brasileiro, sou contra e também não uso, tenho alma alemã.
Sabe, gosto muito de visitar o seu blog, é que eu tenho uma irmã, e ela se chama Márcia e mora em Rio Grande, e aqui mato a saudades...
Para mim todas as Márcias são queridas...
Abraços e que Deus te abençõe e te ilumine.

Marise.

Ursinhu da Juh =] disse...

Puxa Mae =/ Quando a gente menos espera parece que vem tudo de uam vez né misericordia!!!.
Tem um cantor aqui que chama Lazaro que canta uam musica que agente toca na igreja : Eu vou passando pela prova dando gloria a DEUS gloria a DEUS gloria DEUS !!!!
E pensando bem parece prova mesmo né!
Mas ó estou orando por voce. Sei que a saudade do seu filho ta castigando, porque nao é facil nem ficar longe de casa, e nem deixar ir pra longe de casa, mas é tudo pra honra e pra gloria de DEUS né!!! Jaja seu irmao vai sara e o parente do seu esposo vai estra bem se DEUS quiser =] . Esta tudo sobre controle DELE é por isso que podemos descansar no SENHOR né Maeeeeeeee!!!.


bjuuuu
ti amo
fica com DEUS =]

:: Nanda :: disse...

oi márcia!!!
parece que quando uma coisa ruim acontece ela sempre vem acompanhada de muitas outras.. Mas são fases, a gente tem que segurar a barra e se apegar a Deus que tudo vai passar e o resultado é sempre para o bem.
se precisar de qualquer coisa que a gente possa ajudar aqui do Brasil é só gritar viu..
um beijo!
bom domingo

Ivana disse...

Márcia, querida, tudo vai dar certo.
Vou rezar por vocês com todo o meu coração, viu?
Beijos!

ESPOSA TPM disse...

algo importante eh que vc passe positividade para seu filho! Ligue pro pres da missao e conte que ele te ligou, ele pode ajuda-lo muito!Nao fique falando que nao ve a hora dele voltar, que quer ele perto e etc (pra ele) , pq ele pode achar que vc esta com problemas. Incentive-o sempre. Ele nao pode ligar pra casa. So no Natal. Pra ele ligar eh pq deve estar realmente pensando em voltar antes...realmente acho que vc deve falar com o presidente dele. Mas sim, tudo eh uma prova e o modo como a enfrentamos pode nos ajudar a ficar mais e mais fortes...seu filho vai vencer as dificuldades e vc vai se fortalecer na fe...qquer coisa, conselhos etc me liga, tbem fiz missao..
bjo

Olavo disse...

Fez bem em escrever..desabafar ajuda..
e pode contar com nossas orações e saber que alem de tudo Deus é maior.
Beijos

FABIOTV disse...

Olá, tudo bem? Que coisa hein.... Também bati minha cabeça no táxi nessa semana hehe.. Mas temos que respeitar as leis.... Bjs, Fabio www.fabiotv.zip.net

Blog da Fatima disse...

Marcia...
Que chato isso amiga!!
Pq será que todos gostam tanto de complicar, qdo é mais fácil simplificar???
Coitado desse casal!!
Eles tiveram que voltar??
Qto a seu filho ele quer ir embora pra onde??
E tu, vai morar pra sempre ai nos Estados Unidos??
Tem chance de voltar a morar no Brasil?
Desculpa as perguntas, mas é que gostaria de saber mais sobre tua pessoa. Não te vejo mais no msn!

E fica a vontade viu, a gente tá aqui pra te escutar, amigos é pra isso mesmo, senão pra que serviríamos??

Bom final de domingo!

Bjos no ♥

marcia disse...

oi marcia que triste os pais do amigo do teu marido, nossa deve ser horrivel ser impedido de entrar no país pra ver o propio filho numa situacão tão triste...
escrever é bom, ajuda a desabafar...beijinho e fica bem ok!!!

ESPOSA TPM disse...

QUERIDA
LI ISSO HOJE. Pres Hincley foi para missao logo apos o velorio de sua mae...so conseguiu ir pq ela economizou cada moeda do troco dos alimentos...aqui ele fala sobre dificuldades e a influencia dela...talvez ajude seu filho e vc... beijos

Vivi, como todos os missionários, épocas de desânimo em minha missão. Em uma ocasião ou duas, quando tudo estava muito sombrio, senti de modo bem real, porém indescritível a proteção, orientação e influência motivadora de minha mãe. Ela parecia estar muito perto. Tentei então, assim como tenho feito desde aquela época, conduzir minha vida e realizar minhas tarefas de modo a honrar seu nome. Sou o primeiro a admitir que posso ter falhado algumas vezes, e até mesmo o pensamento de viver abaixo das expectativas de minha mãe é doloroso. Com isso, desenvolvi uma auto-disciplina que de outro modo não teria(Ensinamentos de Gordon B. Hincley pag. 270).

(Carlos Soares) disse...

Ei,Márcia. Que bom que voltou. Li alguns aí,tudo azul mesmo?Tomara, porque você merece.Eu fui sorteado? Não vou mentir, não fiquei sabendo, talvez seja porque você andou sumidinha e acabei esquecendo.Mas se fui, quero sim receber.Com prazer.Beijos,amiga

Elaine Barnes disse...

Oie! Passei para agradecer as palavras bonitas pra minha família que agora tem uma nova estrela Davi! Não entendi a parte do seu filho,apenas a dos pais que infelizmente não puderam ver o filho doente. Absurdo isso e meu coração apertou me colocando no lugar deles. Minha filha longe, sei que está bem, mas já pensou? Ôh Loko!Quanto ao seu desabafo amiga,acho importante, porque a vida é feita de altos e baixos e detesto gente que finge o tempo todo. Ficamos tristes, decepcionadas com coisas que não estão em nossas mãos, se não tivermos amigos para partilhar, como se faz então? Amigos verdadeiros estão juntos em qualquer momento. Conte comigo sempre e tenho certeza que com todos os seus seguidores. bjão

Ursinhu da Juh =] disse...

Maaaanheeeeeee lero lero fugi da sala de aula pra vim aqui dize que ti amuuuuuuuuuuuuuu kkkkk